Gestão Ambiental | 27/10/2023

Prefeitura apresenta ações ambientais em Fórum Regional dos Direitos Humanos

Com amplas ações socioambientais, a Secretaria de Gestão Ambiental representou Louveira no painel sobre Meio Ambiente, que reuniu em Jundiaí nesta quinta (26) secretários e técnicos para tratar sobre a relação do meio ambiente com os direitos humanos de forma conjunta com a região  

Com cerca de 2/3 de seu território com áreas verdes, Louveira é uma referência regional quando se trata de políticas públicas ambientais. E como forma de discutir com os municípios vizinhos a relação das ações regionais com os direitos humanos, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Gestão Ambiental, apresentou no 1º Fórum Regional dos Direitos Humanos os programas e projetos desenvolvidos na cidade. O evento reuniu nesta quinta-feira (26) em Jundiaí secretários e equipes técnicas dos sete municípios da Região Metropolitana de Jundiaí e de Itatiba.

A apresentação, ministrada pela Secretária de Gestão Ambiental, Rose Celidonio, com participação da Secretária de Assistência Social, Ana Bichara, teve como foco as ações integradas intersecretarias para o desenvolvimento da consciência ambiental da população, relacionando as políticas socioambientais com direitos humanos. Em especial, foi tratado do projeto Tabarana como programa multidisciplinar, criado em 2022 pela atual administração, para promover o desenvolvimento sustentável em Louveira e estimular a responsabilidade e comprometimento da população.

As ações integradas foram apresentadas por áreas: em Educação, atividades realizadas com os alunos municipais - o Emesa (Encontro Municipal de Educação e Sustentabilidade Ambiental), Hortas nas escolas, formação pedagógica para professores e coordenadores; na área de saneamento – aquisição de robô para identificação de lançamentos  clandestinos de efluentes não tratados em rios e córregos, Programa de Saneamento Rural com a instalação de biodigestores nas propriedades rurais, ampliação do sistema de abastecimento de água potável e da rede de coleta de esgoto, além da presença da represa com capacidade de 500 milhões de Litros, suporta 60 dias de abastecimento a toda população atual.

Ações apresentadas

Por meio do Projeto Tabarana, Louveira promove atividades ambientais de maneira ampla, com envolvimento das secretarias. Na área de assistência social também são desenvolvidas diversas ações, como medidas sócio educativas e cumprimento de serviços à comunidade, entre elas produção de mudas, cursos e visitas educacionais à Associação Mata Ciliar, Estação de Tratamento de Água e Esgoto e Cooperativa de reciclagem; o Projeto Hortas Urbanas, voltado à capacitação e à segurança alimentar da população em situação de vulnerabilidade social acesso.

Com o Fundo Social, as ações são voltadas aos direitos humanos por meio da confecção da Taba Ecobag; a sacola sustentável pode ser trocada pela população por alimentos que que posteriormente são distribuídos à população em vulnerabilidade.

Mas são muitas as ações, como na área agricultura, como o Programa de Pagamento de Serviços Ambientais (PSA), que financia ações de proteção aos recursos hídricos, proteção e formação de fragmentos florestais e adequação ambiental das propriedades rurais do município; além de programa de coleta seletiva, entre outras.