Obras | 14/02/2017

Obras de interceptores melhoram qualidade do Rio Capivari

rio capivari

A obra do Interceptor do Rio Capivari é uma das principais ações da Secretaria de Água e Esgoto (SAE), porque é o principal condutor da Estação de Tratamento de Esgoto. Hoje, o interceptor do Capivari, trecho existente chega até à Rua 21 de Março, ao lado da Estação Ferroviária de Louveira. O trecho que está em obras é uma extensão até o limite do município com Jundiaí, na Avenida Nilo Traci. Sua extensão é de 2.700 metros, com tubulação em PVC ocre (diâmetros de 200, 250 e 400 milímetros) e tubo de concreto armado (diâmetro de 600 milímetros), no trecho final, a partir da Rodovia Romildo Prado até a interligação com o trecho existente.

Com a conclusão desta obra, será possível receber os efluentes do bairro Vassoural, cujo coletor foi construído no ano passado. Também será possível receber o esgoto da Abadia e Monterrey, após a conclusão da obra do Interceptor Fetá, prevista para ser iniciada este ano, e do bairro Estiva, que está com o projeto pronto e em processo de análise para obtenção da licença ambiental.

Com todas essas obras concluídas, espera-se melhorar muito a qualidade da água do rio Capivari. Hoje o rio ainda recebe, aproximadamente, 30% do esgoto in natura e essas obras irão diminuir pela metade esse déficit. O projeto foi dimensionado para atender a capacidade atual de, aproximadamente, 9 mil habitantes e o crescimento populacional estimado, durante os próximos 20 anos. A obra foi orçada em R$ 3.888.388,04, com prazo de 12 meses.