Gestão Ambiental | 21/09/2023

No Dia Nacional da Árvore, 21 de setembro, Prefeitura realiza ação de plantio com alunos

No Dia Nacional da Árvore, 21 de setembro, a Prefeitura de Louveira, por meio da Secretaria de Gestão Ambiental, realiza ação especial de plantio com os alunos da Escola Estadual Pedro Yoshichika Irie. Foram realizados plantio de 10 mudas de árvores nativas nas proximidades da escola. Além disso, na sexta-feira (22), uma outra ação de plantio será realizada junto com os participantes da Casa das Oficinas Acalanto, na Área de Lazer do Trabalhador. Nesta semana, os alunos das Escolas Municipais realizam atividades relacionadas ao meio ambiente, incluindo pinturas coletivas e plantio de girassóis. 

Em todas as atividades com os alunos, eles foram orientados e supervisionados pelos professores e pela equipe da Prefeitura de Louveira. Cerca de 20 estudantes participaram, representando os 6º, 7º, 8º e 9º Anos. 

Nesta semana, os alunos das Escolas Municipais estão realizando atividades dentro do tema meio ambiente, contando com plantio de girassol, pinturas coletivas em celebração ao Dia Nacional da Árvore e colheita de pitanga. Durante todo o ano letivo, os estudantes participam de atividades interativas que envolvem a natureza e a preservação do meio ambiente.

As árvores trazem uma série de benefícios para os seres humanos, como sombra, filtram o ar, produzem oxigênio, evitam a erosão do solo, promovem a absorção sonora, além de gerar conforto térmico e umidade agradável.

A Prefeitura de Louveira, por meio da Secretaria de Gestão Ambiental, Secretaria de Educação e em importantes parcerias, realiza diversas ações que promovem a sustentabilidade na cidade. São realizadas ações que promovem conscientização, capacitação, plantio de novas árvores, recolhimento de resíduos, preservação de áreas de vegetação nativa e auxílio para tutores de animais de estimação. 

Voltado para a capacitação na área ambiental, o Centro de Educação Ambiental Tabarana, inaugurado nas celebrações do aniversário de 58 anos de Louveira, está aberto à população e com programação para os alunos da Rede de Ensino. Entre as atividades, é realizado visitas na Estação de Tratamento de Água e de Esgoto, mananciais, palestras, atividades interativas e diferentes cursos de capacitação.

Com o objetivo de agilizar o plantio de novas árvores e promover a arborização urbana, a Prefeitura utiliza um destocador. O equipamento agiliza o replantio de árvores em ambiente urbano. A arborização urbana de Louveira está em andamento e vai gerar uma série de benefícios para o bem-estar e saúde da população e da fauna.

Com foco na reciclagem e limpeza das ruas da cidade, a Prefeitura de Louveira realiza o Programa de Coleta Seletiva em parceria com a Cooperativa de Reciclagem Recomeço. O programa garante a entrega e recolhimento semanal dos sacos verdes em 100% das casas dos moradores da cidade que são utilizados para depósito de resíduos. A entrega ocorre no momento em que o caminhão da coleta seletiva passa para recolher os resíduos recicláveis das residências, de modo que os moradores tenham onde depositá-los todos os dias da semana. A Programação de Coleta Seletiva foi preparada de modo que os caminhões passem por todas as residências da cidade semanalmente, determinando as regiões que serão atendidas em dias fixos da semana.

Com o propósito de preservar áreas de vegetação nativa, a Prefeitura de Louveira conta com o PSA, Programa de Pagamento por Serviços Ambientais. O objetivo é promover a manutenção, proteção e recuperação de áreas especialmente protegidas como os recursos hídricos e os fragmentos de vegetação nativa, além de promover o saneamento ambiental, a manutenção e proteção do solo contra escoamentos superficiais. O proprietário da área recebe pagamentos anuais. Sendo também um dos requisitos para o Promif, a adesão ao programa é voluntária. 

Todas essas ações também estão dentro dos critérios do Programa Município Verde-Azul do Governo do Estado, que considera a sustentabilidade, estrutura e educação ambiental, conselho ambiental, biodiversidade, gestão das águas, qualidade do ar, uso do solo, arborização urbana, esgoto tratado e resíduos sólidos.