Alterar tamanho do texto
Mudar tamanho
Mudar contraste da página
Alterar Contraste

Assistência Social | 14/03/2014

Equipe de Abordagem Social tem reforço da Guarda Municipal durante as operações

Foto: Divulgação

Na semana passada, a equipe de Abordagem Social do Creas (Centro de Referência Especializado da Assistência Social) esteve reunida com o Comandante da Guarda Municipal de Louveira, Waldemar José Gertrudes,   para formalizar os protocolos de ação conjunta nas operações de abordagem.

De acordo com a Chefe da Divisão da Proteção Social Especial Básica, Heloisa Alcântara Rota, a participação da GM é fundamental nos trabalhos  “Nos casos de itinerantes, a Guarda Municipal apoiará a equipe da Abordagem fazendo o levantamento do dvc  (pesquisa da vida pregressa)  e auxiliando no serviço de acolhimento institucional para pessoas em situação de rua quando houver ocorrência. É fundamental a articulação das duas equipes para o sucesso do trabalho”, destacou.

O serviço de Abordagem Social  é feito diariamente pelo Centro Terapêutico Educacional Cristão juntamente com o CREAS (Centro de Referência Especializado da Assistência Social)  de forma continuada e programada, com a finalidade de identificar a incidência de trabalho infantil, exploração sexual de crianças e adolescentes, pessoas em situação de rua, dentre outras.

As ações são desenvolvidas em praças, entroncamento de estradas, fronteiras, espaços públicos, locais de intensa circulação de pessoas e existência de comércio, terminais de ônibus, trens, entre outros. O Serviço de Abordagem promove o acesso do indivíduo ou família à rede de serviços socioassistenciais e das demais políticas públicas, na perspectiva da garantia dos direitos.

 

 

Na foto:

O Chefe Administrativo Josias Nunes da Luz, o comandante da GM Waldemar Gertrudes, os membros da equipe de abordagem Fábio Ferreira de Oliveira e  Isabel Cristina Pereira e a chefe da Divisão da Proteção Social Especial Heloisa Alcântara Rota