Educação | 04/07/2023

Em Louveira, festas juninas movimentam as escolas e celebram a diversidade da cultura nordestina

Além das festas, as crianças da rede municipal têm realizado atividades pedagógicas em sala de aula com intuito de conhecer as diferenças culturais do país; segundo a Secretaria de Educação, as festas juninas em Louveira cumprem o importante papel de fortalecer vínculos entre a escola e a comunidade, com a participação dos alunos, pais e responsáveis 

 

Em Louveira, as escolas municipais têm tido finais de semana agitados devido às tradicionais e alegres festas juninas. Neste último sábado, 1 de junho, o Prefeito Estanislau Steck acompanhou pessoalmente a movimentação nas escolas, acompanhado da primeira-dama, Magali Steck, da Secretária de educação, Maria Luciane Felipe de Paula e da equipe pedagógica da Secretaria, para prestigiar as festas. De acordo com o cronograma da Secretaria de Educação, as festas juninas seguem agora para o último final de semana. Neste próximo sábado, 8 de julho, as festas acontecem em 3 escolas: Cecoin Arco Íris, CECI Pequeno Príncipe e CECI Herdeiros do Futuro.

“Em todas as escolas que passamos vimos muita dedicação das equipes, tanto na decoração, com muito capricho, como na organização, mas principalmente os trabalhos apresentados pelas crianças, seja nas danças, seja nas atividades que fizeram em sala de aula, e que em algumas escolas estavam expostos para a comunidade. Tudo isso é muito saudável para o desenvolvimento das nossas crianças e cumpre com um aspecto importante da educação, que é trazer os pais para dentro da escola e a comunidade, fortalecendo os vínculos de amizade, respeito pelas diferenças culturais e fazer sempre da escola um ambiente plural de aprendizado, além, claro, de toda diversão que é típica da festa junina, com muitas brincadeiras, danças”, disse o Prefeito Estanislau Steck. 

Seguindo o calendário elaborado pela Secretaria de Educação, e como é de costume no Município, cada escola realizou sua festa, mas todas elas abertas à comunidade. As festas acontecem sempre aos sábados. No último sábado, 1 de julho, elas foram realizadas no CEIL Bairro Infantil, CEIL Centro, EMEB Frederico Pagotto, CECI Pequenos Brilhantes, EMEF José Odair Montelatto, onde aconteceu também a festa da EMEF José Pereira Dutra, já que a escola está em reforma, e na Vila Pasti. 

ATIVIDADES PEDAGÓGICAS

Além da diversão, naturalmente atrelada às festas juninas, as equipes pedagógicas apresentaram durante a festa, as atividades realizadas pelos alunos durante as aulas como parte do conhecimento cultural sobre a tradição nordestina. 
Na EMEF José Odair Montelatto, as crianças estudaram ao longo do bimestre os diferentes aspectos de cada uma das cinco regiões brasileiras e sobre a história de diversidade, pluralidade e riqueza cultural do país. O estudo resultou na festa intitulada “Festa das Tradições Regionais”. 

No CECI Pequenos Brilhantes, o título foi “Festa Nordestina”. Durante o mês de junho, as crianças tiveram uma série de propostas relacionadas ao tema, tais como: literatura de cordel, xilogravura, pintura de areia para confecção de garrafinhas, além de músicas que remeteram à rica cultura nordestina. Segundo a direção da escola, as famílias também foram envolvidas no trabalho, confeccionando bandeiras que decoraram toda a escola. 

“Todo esse processo de realização das festas juninas possibilita que, no dia da festa, toda a comunidade seja envolvida e feliz em participar. Tem sido finai de semana bem bonitos, de interação e alegria para todas as escolas”, ressalta a Secretária de Educação, Maria Luciane Felipe de Paula.

Na EMEB Frederico Pagotto aconteceu o 2º “Arraiá do Sô Pagotto”, com integração completa da Educação Infantil e do Ensino Fundamental, permitindo um entrosamento e um envolvimento desses dois segmentos durante toda a festa. Além das apresentações das crianças, teve as barracas com as brincadeiras e os alimentos que fazem a alegria de todos: pipoca, pastel, cachorro-quente, doces e bolos, e também as brincadeiras como pula-pula, a boca do palhaço, cadeia, e a pescaria, sempre procurada muito pelas crianças. Momentos marcantes da festa foram a eleição dos “Reis” e “Rainhas” da festa e a quadrilha dançada pelos adultos.