Geral | 21/05/2013

Eleitor louveirense já pode atualizar cadastro na Central de Atendimento Biométrico

Órgão da Justiça eleitoral foi inaugurado na cidade, na tarde da última sexta-feira (17 de maio), com a presença do prefeito de Louveira, Junior Finamore

Foto: Jasso / PML

 

Desde o dia 20 de maio, os quase 29 mil eleitores do município devem obrigatoriamente comparecer à Central de Atendimento, até o dia 31 de outubro, para atualizar o cadastramento eleitoral. O horário de atendimento é das 8h30 às 17h, se segunda a sexta-feira. Para evitar transtornos, o louveirense pode agendar a sua revisão pelo site do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP - www.tre-sp.jus.br) clicando no banner “Recadastramento Biométrico”.

A Justiça Eleitoral orienta os eleitores a fazer a revisão desde já para evitar filas no final do prazo. Para isso, o eleitor louveirense deve levar o documento de identificação e um comprovante de residência emitido entre maio 2012 e fevereiro de 2013. No local, o cidadão registra as impressões digitais, a assinatura e uma foto.

A estimativa do TRE-SP é atender 250 eleitores diariamente. Para alcançar este objetivo, foram instaladas oito mesas de atendimento com kits biométricos – compostos por escâner e câmera - e 18 funcionários encarregados de cumprir a tarefa, sendo oito deles cedidos pela Prefeitura e dez do TRE.

A atualização do cadastramento é obrigatória e quem não efetuar dentro do prazo terá o título cancelado. Sem o documento, o cidadão não pode obter passaporte, carteira de identidade, CPF, matricular-se em estabelecimento de ensino oficial, participar de concurso público e concorrência pública, e obter empréstimos em bancos oficiais.

 

Inauguração

O primeiro eleitor louveirense a registrar as impressões digitais e atualizar o titulo foi o prefeito Junior Finamore. O ato foi realizado logo após a cerimônia de inauguração da Central, na tarde da última sexta-feira (17 de maio). Na ocasião, Finamore destacou o cadastramento biométrico como uma importante ferramenta de combate às fraudes eleitorais. “Em um processo eleitoral democrático, a vontade do povo é soberana. E essa tecnologia ajuda a garantir a expressão popular sem interferências fraudulentas, pois elimina a possibilidade de um eleitor votar pelo outro, já que cada cidadão possui impressões digitais únicas”.

De acordo com o presidente do TRE-SP, o desembargador Alceu Penteado Navarro, que participou da cerimônia, a expectativa da Justiça Eleitoral é cadastrar 23 milhões de eleitores em todo o Brasil para as eleições de 2014. A estimativa é que todo o eleitorado nacional esteja identificado pelas digitais até o final da década

No Estado de São Paulo, os eleitores das cidades de Nupuranga, Sales Oliveira, Itupeva e Jundiaí já experimentaram este novo processo de identificação. No próximo ano, os municípios Louveira, Vinhedo, Águas de São Pedro, Analândia, Corumbataí, Embu das Artes, Ipeúna, Itirapina, São Pedro, Santa Gertrudes e Santa Maria da Serra farão uso da tecnologia biométrica.

 

Autoridades presentes

A cerimônia de inauguração da Central contou com a presença da vice-prefeito, Neusa Orestes, da primeira-dama, Marlene Montelatto, da juíza  da 345ª Zona Eleitoral de Vinhedo, Camila Rodrigues Borges de Azevedo, do presidente da Câmara Municipal, vereador Estanislau Steck, além de vereadores e secretários municipais da cidade.

 

Serviço:

O recadastramento pode ser feito na Rua Santo Scarance, 176, das 8h30 às 17h, de segunda a sexta, até o dia 31 de outubro. O eleitor de Louveira pode agendar a revisão pelo site do TRE (www.tre-sp.jus.br), no banner de Recadastramento Biométrico.