Assistência Social | 10/02/2023

Diálogo e Transparência marcam 8ª Conferência dos Direitos da Criança e do Adolescente de Louveira

“O objetivo da Conferência é ouvir da população quais são as suas demandas, sugestões e o que pensam sobre os eixos que foram abordados no evento...

Com o objetivo de ouvir a população e entender as demandas, ocorreu na manhã desta sexta-feira (10), a 8ª Conferência dos Direitos da Criança e do Adolescente de Louveira, promovida pela Prefeitura de Louveira, por meio da Secretaria de Assistência Social. O evento foi realizado pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Louveira. O evento contou com a presença, além do prefeito Estanislau Steck, do Vereador Helinho representando o Legislativo.

“O objetivo da Conferência é ouvir da população quais são as suas demandas, sugestões e o que pensam sobre os eixos que foram abordados no evento, assim, podemos manter uma articulação das políticas setoriais para a criança e ao adolescente inclusiva e eficiente”, disse o prefeito Estanislau Steck.

Além das autoridades, o evento contou com a presença da população, com adolescentes e crianças da rede pública de ensino, pais e responsáveis.  

“A conferência é de extrema importância para avaliação das políticas públicas voltadas para as crianças e adolescentes. Além de trazer discussões visando a melhoria e promoção dessas políticas, também é um espaço aberto para que crianças e adolescentes possam reivindicar seus direitos, tendo espaço de fala e participando de todas as etapas da conferência”, disse a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente , Aline Jisele Campanha Celestino.

O evento contou com a presença do prefeito, Estanislau Steck, do Vereador Helinho, representando o Legislativo. da secretária de Assistência Social, Therese Abdel Messih, secretário de Segurança, Osvaldo Roberto Candido, secretária de Educação, Maria Luciane Felipe de Paula, secretário de Cultura e Eventos, Darlan Henrique Pereira, e outros gestores do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

O Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra (CPDCN), também esteve presente com dois representantes, Marlene e Reginaldo, da sede de Jundiaí.

O tema central da conferência foi: “Situação dos direitos humanos de crianças e adolescentes em tempo de pandemia da Covid-19: violações e vulnerabilidades, ações necessárias para reparação e garantia de políticas de proteção integral, com respeito à diversidade”.

Os eixos de debate abordados entre os participantes e os gestores foram:

- Promoção e garantia dos direitos humanos de crianças e adolescentes no contexto pandêmico e pós pandemia;

- Enfrentamento das violações e vulnerabilidades resultantes da pandemia de Covid-19;

- Ampliação e consolidação da participação de crianças e adolescentes nos espaços de discussão e deliberação de políticas públicas de promoção, proteção e defesa dos seus direitos, durante e após a pandemia;

- Participação da sociedade na deliberação, execução,gestão e controle social de políticas públicas de promoção, proteção e defesa dos direitos de crianças e adolescentes considerando o cenário pandêmico,

- Garantia de recursos para as políticas públicas voltadas para crianças e adolescentes durante e após a pandemia de Covid-19.