Gestão Ambiental | 24/11/2021

ÁGUA - Louveira celebra Dia do Rio Capivari com plantio de mudas e conscientização de crianças da Rede Municipal de Ensino

Grupo de 80 alunos participou de roda de conversa antes de plantar um jacarandá, um ipê-roxo, um canudo-de-pito e um dedaleiro na região central da cidade

Um grupo de 80 alunos do quarto e do quinto ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Vila Pasti, em Louveira, participou, na manhã desta quarta-feira (24), do plantio de quatro mudas de árvores para celebrar o Dia Nacional do Rio e o Dia Municipal do Rio Capivari.

O evento foi promovido pela Prefeitura, sob coordenação da Secretaria de Gestão Ambiental, às margens do Rio Capivari, na Rua Natal Tarallo, região central da cidade, em trecho às margens do Capivari.

As comemorações tiveram início com uma roda de conversa sobre a importância da preservação do meio ambiente e a conscientização do uso racional e responsável da água. Discursaram o prefeito, Estanislau Steck, o vice-prefeito, Ricardo Barbosa, e a secretária de Gestão Ambiental, Rose Celidonio.

Em seguida, aconteceu o plantio das quatro mudas (um jacarandá, um ipê-roxo, um canudo-de-pito e um dedaleiro). Os alunos foram auxiliados por funcionários da Secretaria de Gestão Ambiental. Familiares também estiveram presentes.

A secretária de Gestão Ambiental, Rose Celidonio, ressaltou a importância da participação dos pequenos estudantes na conscientização ambiental; ‘’É importante as crianças terem conhecimento sobre as questões do meio ambiente, para que as gerações futuras possam aproveitar a água, a vegetação, aquilo que a gente aproveita ainda hoje’’, disse.

As ações desta quarta-feira estão ligadas ao lançamento do Projeto Tabarana, que acontece no próximo sábado 927), na Estação Ferroviária.

O projeto tem como objetivo a despoluição do Rio Capivari, manancial hídrico que corta o município e que é um dos principais responsáveis pelo abastecimento da população.

A ação recebe esse nome em alusão ao peixe que, segundo relatos históricos, era encontrado em abundância no rio em um passado recente e que hoje desapareceu por conta da poluição.

O projeto, com ações de curto, médio e longo prazo, tem como objetivo melhorar a qualidade da água do Capivari com a redução dos focos de descarte irregular de esgoto, além da preservação e recuperação de áreas de mata ciliar e um mapeamento das ocupações que ocupam as margens do rio no município.

Além disso, serão feitos diversos trabalhos com foco na orientação e conscientização da população sobre a importância da preservação do meio ambiente e do Rio Capivari, além de seus afluentes.