Saúde | 17/12/2018

Vigilância em Saúde orienta sobre acidentes com escorpiões e prevenções

A Vigilância em Saúde de Louveira orienta a população sobre acidentes com escorpiões e as formas de prevenção. O alerta acontece no período de calor e chuvas, em que o animal procura abrigo e insetos nas residências.

Os grupos mais vulneráveis ao veneno são idosos e crianças de até 10 anos, enquanto as maiores incidências de picadas aparecem em trabalhadores da construção civil, madeireiras, transportadoras e distribuidoras de hortifrutigranjeiros.

As espécies mais comuns na região são o amarelo e o marrom, com até 7 cm de comprimento.

 

Sintomas

O primeiro sintoma é a dor no local da picada, podendo também ocorrer o aumento da temperatura, inchaço leve, vermelhidão, arrepio dos pelos e suor, vômitos, agitação, tremores, produção excessiva de saliva e ofegância. O veneno pode levar à morte, principalmente nos grupos vulneráveis.

 

Primeiros socorros e cuidados

  • Higienize o local da picada com água e sabão
  • Aplique compressa morna
  • Procure, com urgência, o serviço de saúde mais próximo para receber o tratamento

  • Não faça sucção no local da picada

  • Não fure ou corte
  • Não esprema ou aperte
  • Não use curativos que fechem o local, pois pode favorecer a ocorrência de infecções. Colocar água fria ou gelo pode acentuar o efeito da dor.

 

Prevenção

A forma mais adequada de se prevenir contra o aparecimento de escorpiões nas residências é evitar o acúmulo de detritos e entulhos no terreno, principalmente aqueles que possam atrair baratas e servir de abrigo para o escorpião. Tampar frestas, vãos e ralos que permitam a entrada desses animais também são cuidados efetivos.

Telefone: (19) 3878-9700
E-mail: faleconosco@louveira.sp.gov.br

Rua Catharina Calssavara Caldana, n° 451
Bairro Leitão
CEP: 13290-000 - Louveira/SP

Informativo

Cadastre-se pare receber os informativos da prefeitura em seu e-mail

Prefeitura Municipal de Louveira - Copyright® 2019

Desenvolvido por:

Web e Ponto - Soluções Digitais