Saúde | 14/02/2021

SAÚDE - Hospital de Campanha com 12 leitos começa a funcionar nesta segunda-feira (15) no CRL

Estrutura montada pela Prefeitura e a Santa Casa possui uma equipe treinada e capacitada para atendimento de casos mais leves de covid-19

Começa a funcionar nesta segunda-feira (15) o Hospital de Campanha montado pela Prefeitura de Louveira e a Santa Casa no CRL (Centro de Reabilitação de Louveira) para atendimento de casos mais leves de covid-19.

A estrutura tem 12 leitos e uma equipe treinada e capacitada para esse tipo de atendimento.

Segundo o secretário de Saúde de Louveira, Eduardo Menezes, dois desses leitos são destinados para observação, em casos que não exigem internação. Mas eles podem ser utilizados com essa finalidade se houver aumento da demanda. 

Além disso, a localização do Hospital de Campanha é estratégica. Ao lado de Santa Casa, ele permite transferência imediata de pacientes que tenham casos agravados ou que precisem de atendimento mais complexo, como nos casos de UTI.

Louveira possui hoje cinco leitos para atendimento de UTI  geral e outros cinco leitos cadastrados recentemente como leitos exclusivos para suporte ao paciente de covid-19 grave, totalizando 10 leitos capazes de garantir suporte avançado de vida. Numa necessidade maior, os dez leitos poderão ser utilizados para garantir assistência aos casos graves de coronavírus .

A abertura do hospital acontece em meio a uma segunda onda que preocupa as autoridades de saúde e fez aumentar novamente o número de casos da doença. 

Até na última sexta-feira (12) o município tinha 1.736 casos confirmados de covid-19, com quatro pacientes internados na Santa Casa e 57 pessoas com sintomas leves em isolamento domiciliar. Outras 29 pessoas morream vítimas da doença.

O Hospital fica na Av. Arhur de Souza Sygel, 400, no Jardim Vera Cruz.

Orientações

A equipe da Secretaria de Saúde orienta os moradores para que nos próximos dias não realizem festas ou promovam aglomerações. Os desfiles de blocos de Carnaval e Escolas de Samba estão suspensos pelo Plano São Paulo, assim como todos os eventos públicos.

Com a nova onda da doença é importante que todos redobrem os cuidados com as medidas de segurança e higiene. O uso de máscara é essencial, assim como manter o distanciamento e lavar as mãos com frequência. 

Vacina

A vacinação também teve início com a imunização de profissionais de Saúde e de idosos acima dos 90 anos. Na próxima quarta-feira (17), as doses começam a ser aplicadas em pessoas acima dos 85 anos. 

A imunização é realizada com agendamento por telefone ou presencial nas unidades de atendimento. Saiba como funciona em: https://bit.ly/3d1iVb0.

Desenvolvido por: Web e Ponto